Page 1 of 2 12 LastLast
Results 1 to 5 of 8

Thread: Gravataí a Sapucaia do Sul (RS) / Duplicação da RS - 118

  1. #1
    paolapoa's Avatar
    Golden Member

    Status
    Offline
    Join Date
    Mar 2008
    Location
    Porto Alegre, Brasil
    Posts
    11,606
    Liked
    27 times
    Rep Power
    18

    Default Gravataí a Sapucaia do Sul (RS) / Duplicação da RS - 118

    Duplicação da RS - 118

    A duplicação

    > A obra, que se iniciou em 2003, ficou parada desde o final de 2006 até 30 de outubro de 2007, quando foi retomada
    > A construção envolve uma extensão de seis quilômetros, localizados entre os entroncamentos com a RS-020 e a freeway
    > A previsão é de que até dezembro os dois primeiros quilômetros estejam concluídos
    > Já foi dada a ordem de início para os próximos dois quilômetros, onde estão sendo feitas a terraplenagem e a drenagem. A previsão é para setembro de 2009
    > A obra deverá estar totalmente concluída em 2010

  2.   
     
  3. #2
    paolapoa's Avatar
    Golden Member

    Status
    Offline
    Join Date
    Mar 2008
    Location
    Porto Alegre, Brasil
    Posts
    11,606
    Liked
    27 times
    Rep Power
    18

    Default

    Zero Hora
    21 de outubro de 2008 | N° 15765

    A morosa duplicação da RS-118

    No final de outubro de 2007, Delcir Costa, 64 anos, comemorava o anúncio da retomada da obra de duplicação da RS-118, entre Gravataí e Sapucaia do Sul.

    Cerca de um ano depois, a lentidão dos trabalhos, que se iniciaram em 2003, desanimou o borracheiro.

    O projeto prevê a duplicação no trecho entre o km 16 e o km 22. Até a Estrada Itacolomi, no km 18, a obra está em fase de acabamento, no sentido Sapucaia-Gravataí. Nos quatro quilômetros restantes, porém, a única indicação de que se trata de um alargamento é a preparação do terreno.

    – Onde moro, só começaram a cavar a terra – diz Costa, que reside na esquina da rodovia com a Estrada.

    Coordenador da obra, o engenheiro do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer) Cirineu de Luca, diz que a previsão era de que os dois primeiros quilômetros estivessem prontos desde junho.

    – Houve problemas de licenças ambientais, readequação de projetos e condições climáticas. O ritmo da empreiteira não foi o desejado.
    Last edited by paolapoa; 1st April 2009 at 03:59.

  4. #3
    paolapoa's Avatar
    Golden Member

    Status
    Offline
    Join Date
    Mar 2008
    Location
    Porto Alegre, Brasil
    Posts
    11,606
    Liked
    27 times
    Rep Power
    18

    Default

    Zero Hora
    10 de dezembro de 2008 | N° 15815

    Obras devem recomeçar

    Depois de se reunir com a construtora responsável, Daer promete que máquinas voltam a operar nesta semana

    A duplicação da RS-118 deverá ser retomada imediatamente, com um novo cronograma físico-financeiro para 2009. A promessa é do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer), divulgada após uma reunião de negociações ontem à tarde com a Construtora Triunfo Ltda, que paralisou os trabalhos em novembro.

    De acordo com o Daer, até o final desta semana, as máquinas devem voltar a operar. A empresa suspendeu os trabalhos afirmando precisar de detalhamentos no projeto executivo e de liberação das ocupações na faixa de domínio da rodovia. Retirou as equipes de trabalho que desenvolviam os serviços de limpeza, regularização, terraplenagem e revestimento da pista, deixando desabitada a via – por onde circulam cerca de 15 mil motoristas diariamente –, conforme destacou reportagem publicada por Zero Hora ontem.

    Segundo o Daer, as explicações da empresa não impediam a continuidade dos trabalhos. O contrato, originalmente, previa somente a ampliação de capacidade com a execução de uma nova pista em 10 quilômetros, em Gravataí.

    Prioridade deverão ser os kms 16,3 e 19,6, em Gravataí

    Em 2008, a obra foi retomada pelo programa DuplicaRS, com dois acréscimos: ruas laterais e recuperação da pista existente. As inclusões foram necessárias, porque o pavimento existente está comprometido pela ação do tempo (pavimentação com mais de 30 anos) e a intensa movimentação de veículos pesados. As vias laterais, de acordo com o departamento, deverão disciplinar e garantir mais segurança, tanto para os deslocamento entre Sapucaia do Sul e Viamão, quanto para o trânsito local, em Gravataí.

    Na reunião de ontem, a empreiteira firmou compromisso de retomar os trabalhos, com prioridade na extensão entre os km 16,3 e 19,6, em Gravataí. O Daer deverá concluir o detalhamento do projeto executivo e estabelecer um novo cronograma de trabalho, com a intenção de acelerar o ritmo da obra.

    O diretor-geral do departamento, engenheiro Vicente Britto Pereira, destaca que a manutenção do contrato com a empreiteira é um resultado positivo, pois outras alternativas representariam uma demora de dois a seis meses para que a obra fosse retomada.

    – Trata-se de uma das mais importantes obras do DuplicaRS. Conta com recursos e vamos acelerar o ritmo dos serviços. Nas próximas semanas, poderemos detalhar o cronograma dos trabalhos para 2009 – anuncia Pereira.

    Além da retomada dos serviços, outras obras auxiliares estão sendo encaminhadas. A ponte sobre o Arroio Barnabé já foi licitada. O viaduto sobre a Avenida Dorival Oliveira (RS-030) está em licitação, e o Daer está concluindo o projeto básico para licitar o viaduto previsto no entroncamento da rodovia com a Avenida Itacolomi. A previsão é licitar o viaduto no primeiro semestre de 2009.

  5. #4
    paolapoa's Avatar
    Golden Member

    Status
    Offline
    Join Date
    Mar 2008
    Location
    Porto Alegre, Brasil
    Posts
    11,606
    Liked
    27 times
    Rep Power
    18

    Default

    Site Porto Alegre 2014
    09:59 01/07/2009

    Duplicação da RS-118 é uma das prioridades do governo do Estado

    Entre os reflexos positivos que a Copa do Mundo de 2014 trará ao Rio Grande do Sul, está a busca de soluções para a questões envolvendo a infraestrutura, mobilidade urbana e transportes, fundamentais para quem transita pela Região Metropolitana. A duplicação da RS-118 é um destes temas.

    Por isso foi importante a reunião ocorrida na nesta terça-feira (30/06), entre o secretário de Habitação, Saneamento e Desenvolvimento Urbano, Marco Alba, e o secretário de Infraestrutura e Logística, Daniel Andrade, com os representantes do Comitê de Acompanhamento das Obras Viárias da Região Metropolitana de Porto Alegre para discutir o andamento do projeto.

    No encontro, o secretário Daniel Andrade fez a apresentação das questões técnicas, como as licitações e o início das obras de construção de seis viadutos, a construção de pistas laterais e a necessidade de melhorias na pista atual. O secretário reforçou o posicionamento do governo do Estado de que esta é uma obra prioritária e que os recursos para a sua conclusão estão garantidos no Orçamento.

    REMOÇÃO E ASSENTAMENTO DE FAMÍLIAS

    O secretário Marco Alba falou sobre a remoção das famílias que vivem na faixa de domínio da rodovia. No primeiro trecho, com obras em andamento, foram reassentadas nove famílias e outras nove estão em processo de remoção. O governo está trabalhando para indicar uma área para que sejam reassentadas mais 170 famílias. Marco Alba destacou a importância de formação de um grupo de trabalho, com o objetivo de discutir ações que tragam agilidade ao processo de remoção de famílias, especialmente no segundo trecho de duplicação, até o município de Sapucaia do Sul.

    “É importante unirmos esforços, principalmente com a colaboração das prefeituras municipais, a fim de discutir as ações de reassentamento destas famílias para que a obra tenha o andamento previsto e nós possamos concluir o processo de duplicação da rodovia, que é uma luta da comunidade da região e um compromisso do governo”.

    Também acompanharam a reunião o diretor-geral do Daer, Vicente Pires, deputados estaduais, os prefeitos de Novo Hamburgo, Sapucaia do Sul, São Leopoldo e Gravataí, vereadores de Alvorada, Viamão, Cachoeirinha, Esteio e Sapucaia do Sul, lideranças empresariais e representantes de entidades.

    PRIMEIRO LOTE DE OBRAS EM ANDAMENTO

    Foi divulgado pela mídia que o primeiro lote da duplicação da rodovia RS-118 de Gravataí em direção a Sapucaia do Sul, com seis quilômetros de nova pista e quatro quilômetros de ruas laterais em construção, mantém-se em ritmo constante. No dia 2 de abril (2/04), para verificar o desenvolvimento o serviço, o secretário de Infraestrutura e Logística, Daniel Andrade, deslocou-se até a obra, juntamente com o secretário de Habitação, Saneamento e Desenvolvimento Urbano. Depois de concluída a etapa em andamento, haverá recuperação do leito antigo da estrada, com transferência de tráfego para o trecho a inaugurado.

    O investimento do governo do Estado nesse trecho é de R$ 27,5 milhões. “No segundo semestre deste ano, vamos licitar novo lote para duplicação e apressar a continuidade do empreendimento", anunciou Andrade. Também acompanharam a vistoria o diretor-geral do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer), Vicente Britto Pereira, e o diretor superintendente da Construtora Triunfo, Gustavo Müssnich.

    A autarquia desenvolve diversas ações com objetivo de acelerar e ampliar frentes de trabalho na primeira etapa da duplicação da RS-118. A primeira etapa foi concebida para resolver a travessia urbana de Gravataí, disciplinar o trânsito e melhorar condições de segurança e trafegabilidade. Com contrato destinado somente à duplicação de seis quilômetros, a obra só teve andamento efetivo a partir de 2008, depois de atualização de projeto, incluída restauração da rodovia no trecho e construção de ruas laterais.

  6. #5
    paolapoa's Avatar
    Golden Member

    Status
    Offline
    Join Date
    Mar 2008
    Location
    Porto Alegre, Brasil
    Posts
    11,606
    Liked
    27 times
    Rep Power
    18

    Default

    Zero Hora
    22 de julho de 2009 | N° 16038

    Duplicação da rodovia só terminará em 2010

    Planos de expansão, que têm mais de 10 anos, recebem caráter de urgência

    Faltam oito quilômetros para que a nova previsão de duplicação feita pelo governo do Estado para a RS-118 seja alcançada. Apenas dois dos 10 quilômetros de duplicação da rodovia Sapucaia do Sul-Viamão que devem ser entregues em 2010 estão concluídos. Antes, a expectativa era ter seis quilômetros prontos neste ano.

    Uma das obras mais visíveis do governo, a nova pista da rodovia ganhou a condição de prioridade. Quinta no ranking de acidentes no Brasil, a RS-118 terá R$ 27,5 milhões para a duplicação entre os kms 12 e 22.

    – Vamos implementar todo o esforço possível, agora não podemos recuar. Mas há momentos em que o trabalho precisa parar, principalmente quando chegamos em um viaduto que será construído – afirma Jeferson Berni Couto, diretor de Obras do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer).

    Ele explica que, após terminada a nova pista, ao lado da atual, começa outra obra, que é a recuperação do pavimento da atual estrada. Durante esta etapa, o trânsito será transferido para a recém-concluída rodovia.

    Há também uma ponte e um viaduto com boas perspectivas de conclusão para este ano. A travessia sobre o Arroio Barnabé deve ficar pronta em outubro. Para o outro trecho, entre a BR-116 e o km 12, resta ainda terminar o projeto de expansão. Couto lembra que os planos têm mais de 10 anos, e precisaram sofrer ajustes.

    As prefeituras de Esteio, Sapucaia do Sul e Gravataí foram convidadas para ajudar na remoção das 1,2 mil famílias que moram junto à rodovia. Entre as ações a serem desenvolvidas, estão o cadastramento socioeconômico das famílias e a participação em programas federais de construção de moradias.

    Apesar do novo calendário das obras, o Daer informa que as datas são estimativas. Períodos prolongados de chuva ou atraso de fornecedores podem retardar a entrega.

Page 1 of 2 12 LastLast

Tags for this Thread

Bookmarks

Posting Permissions

  • You may not post new threads
  • You may not post replies
  • You may not post attachments
  • You may not edit your posts
  •  
SkyScraperLife.Com © 2006-2013

World Building Database

Download: Fast, Fun, Awesome - Web Stats